quarta-feira, 5 de dezembro de 2018

Tradução: O Comandante


Publicado por Wallace em quarta-feira, 5 de dezembro de 2018


Voltar ao guia de Lyra e a Herança Perdida


No dia 5 de dezembro, um novo artigo na Neopedia foi publicado. Ele descreve o lado de dentro do palácio de Sakhmet, onde a Rainha Amira está sendo mantida em prisão domiciliar pelos guardas usurpadores.

Confira abaixo a tradução feita pelo Royalneo:

Câmara da Rainha, Palácio de Sakhmet

As portas voam abertas e o General Dacon entra com seus passos na velocidade de um relâmpago. Ele não é mais o comandante jovem que ele foi. O tempo fez seus movimentos rígidos e dolorosos mas o seu senso continua mais afiado do que nunca. Especialmente quando ele entra para preocupar-se com a segurança da Rainha Amira. E neste momento, seu sente algo sinistro.

General Aharoon, o novo comandante das forças armadas da cidade entra.

General Aharoon: General Dacon! Por favor, relaxe. Nós viemos sem maldade. Na verdade, nós esperamos estar fora daqui em minutos se a Rainha consentir conosco. Está um dia adorável lá fora. Sem ofensas mas eu não gostaria de desperdiçá-lo aqui dentro.

A Rainha Amira está pensativa e inexpressiva olhando para fora na única janela aberta na sala. Os dias começaram a se confundir e misturar uns com os outros. Ela vira para olhar os soldados que marcharam para dentro da sala e parecem estar olhando para ela.

General Aharoon: Não queria te tirar do seu devaneio, minha Senhora. Eu estou aqui para perguntá-la sobre o tesouro real escondido. Apenas nos diga onde ele está. Nos dê as chances que nos precisaremos para acessá-lo e nós vamos deixá-la sonhar acordada.

Amira tentou manter uma compostura calma. Ela não queria que esse arrogante e desleal membro da sua própria armada visse a perturbação que as suas palavras causaram nela. Ela se lembrou de tudo. O levante, a prisão domiciliar, e do muito pouco que ela tem ouvido ultimamente, as atrocidades que os soldados estão cometendo com o povo de Sakhmet. No povo dela! E agora ele tem coragem de perguntar a ela sobre o tesouro escondido.

Rainha Amira: Eu não sei se eu entendi o que você quis dizer.

General Aharoon: Ah, eu acho que você entendeu, Rainha Amira. Eu acho que você entendeu muito bem. Não vamos jogar estes jogos. Vamos tornar isso mais fácil para ambos.

Rainha Amira: O que você está pedindo é impossível.

General Aharoon: Me desculpe por trazer isto a tona, mas você entende as consequências de recusar o meu pedido, não entende, minha Rainha?

Rainha Amira: Você quis dizer que você escolheu a violência tal como está fazendo no lado de fora do palácio?

General Aharoon: Então as notícias voam até mesmo através de alto nível de segurança! Eu não quero me gabar, mas você vai descobrir que o meu jeito é bastante efetivo. Você gostaria de prová-lo?

General Dacon: Cuidado, a Rainha Amira continua sendo a sua Rainha.

General Aharoon: Eu estou ficando sem paciência aqui. Apenas me dê as chaves e me diga onde está o tesouro. AGORA!

Rainha Amira: Ou o quê? Faça o que quiser e eu também farei.

General Aharoon: Muito bem. General Dacon! Como o seu novo comandante, eu ordeno que você prenda a Rainha!

General Dacon: Eu não levo ou-

General Aharoon: O tempo passou, cara velho. Você não é mais o comandante das forças armadas. Você está falando com aquele que é! Agora, ou você faz isso ou meus soldados vão prender ambos e colocar você nas celas. Escolha com sabedoria, Dacon. Você não tem tempo.

O General Dacon observa a Amira e depois os quatro soldados da guarda pessoal da Rainha que estão esperando o seu comando. Ele sente que parece que foi ontem que ele teria todo um exército pulando em sua defesa quando ameaçado por um usurpador como este, e agora tudo que ele tem são esses quatro e mesmo eles não parecem tão certos. E então ele olha para o General Aharoon e sente a raiva subindo por cada fibra de que ele é formado. Não a primeira vez neste dia, ele vê a si mesmo esperando pela fabulosa Labareda. Apesar de que ele ouviu histórias sobre como ela foi roubada da família desde que ele consegue se lembrar, recentemente, ele se pegou pensando na espada cada vez mais e mais.

Ele sai do seu devanei e vê todos olhando para ele esperando sua decisão. Ele dá um suspiro profundo e acena com a cabeça para os guardas pessoais e depois, os quatro se movem ao redor de Amira circulando-a. Dacon os segue.

General Aharoon: Movimento esperto, Dacon.

O General Dacon dá um passo em direção à Amira e o novo comandante relaxa em sua posição. Em uma inesperada demonstração de velocidade e agilidade, o General Dacon pula em cima do General Aharoon e seus soldados. Os homens do General Dacon estão perto no calcanhar, montando um ataque surpresa nos soldados visitantes do exército de Sakhmet. Um duelo se segue e depois do que pareceu ser muito tempo, o General Dacon e seus soldados obtém sucesso ao expulsar os outros dos portões do palácio e fechá-los a salvo por dentro. Amira parece atordoada.

General Dacon: Vá para o seu quarto, Rainha Amira. O novo comandante vai voltar em breve e com muito mais força à sua disposição também. Eu tenho algumas coisas pra fazer antes disso.

Rainha Amira: Que coisas?

General Dacon: Isso é um tiro no escuro mas eu não tenho outro recurso restante.

O General Dacon ordena que um dos guardas traga até ele um dos magos do palácio imediatamente. Ele precisa dele para mandar duas mensagens para o lado de fora. Uma para um membro próxima da família da Rainha e outra para um trapaceiro...

Comentários:

Os comentários estão em manutenção.

Curta no Facebook

Diversos de Hoje (14/1)


Pergunta do Dia: Krawk
Prêmio: 284 NPs


Jogo em Destaque: Pterataque


Melhor Que Você: Bala de Canhão Petpet
Pontuação: 720



Concerto do Dia: Pirate Band


Campo de Batalha: Escolha sua facção!
Ladrões, Buscadores ou Influência

Sites Afiliados

Arquivo do Site

Já nos segue no Twitter?

Categorias | Tags